UA-110518693-1
PIZZA DACURVA

Final da Euro foi evento "superdisseminador" de Covid-19; veja números

Cerca de 67 mil pessoas assistiram a seleção italiana vencer a Inglaterra nos pênaltis

Por Leandro Morisson em 21/08/2021 às 19:29:11

A final da Eurocopa 2020 entre Inglaterra e Itália, em Wembley, foi um evento "superdisseminador" de Covid-19, segundo a autoridade de saúde britânica, Public Health England (PHE).

A organização diz que provavelmente 2.295 pessoas estavam infectadas no estádio no dia da decisão. Esses indivíduos podem ter passado a Covid-19 para outras 3.404 pessoas.

"A Euro 2020 foi uma ocasião única e é improvável que víssemos um impacto semelhante nos casos covid-19 em eventos futuros", afirmou Jenifer Smith, vice-diretora médica da PHE.

"Os dados mostram como o vírus pode se espalhar facilmente quando há contato próximo e isso deve ser um aviso para todos nós, enquanto tentamos retornar à normalidade cautelosa mais uma vez", acrescentou.

Cerca de 67 mil pessoas assistiram a vitória da Itália nos pênaltis. Outros eventos esportivos que contaram com a presença de público apresentaram um resultado bem menos expressivo.

O GP de Fórmula 1 da Grã-Bretanha movimentou cerca de 350 mil pessoas em três dias, mas registrou apenas 585 casos. Já as competições de tênis de Wimbledon, que atraíram cerca de 300 mil pessoas em duas semanas, registraram 881 casos.

Fonte: SBT

Comunicar erro

Comentários